Nos pênaltis, Real bate Palmeiras e é campeão mundial sub-17

compartilhe agora

 Confira os melhores momentos entre Palmeiras e Real Madri pelo mundial sub-17 de clubes

Palmeiras e Real Madrid se encontraram nesta quarta-feira para a decisão do Mundial de Clubes sub-17. No Estádio La Aldehuela, em Fuenlabrada, município de Madri, o time alviverde por muito pouco não conseguiu o título inédito. Depois de o empate por 2 a 2, no tempo regulamentar, a equipe merengue garantiu o troféu da categoria marcando 5 a 4 nos pênaltis.

Pelo Palmeiras, os dois gols foram marcados por Léo Passos e, nos pênaltis, Vitor, Vitinho, Wesley e Gabriel Barbosa converteram. Gabriel Afonso e Airton desperdiçaram. Já pelo lado madrilenho, Alberto, De la Fuente, Zabarte, Elliot, e Gutiérrez marcaram.

Bastante movimentada no primeiro tempo, a partida teve o placar alterado logo aos cinco minutos. De la Fuente aproveitou a cobrança de escanteio e mandou de primeira para o fundo do gol, deixando o Real Madrid em vantagem. Buscando recuperar o resultado, o Palmeiras foi com tudo para o ataque e, aos 16 minutos, também depois de cobrança de escanteio, Léo Passos deixou tudo igual.

Na etapa complementar, o Palmeiras voltou com tudo. Dominou o jogo durante quase todo o tempo e chegou ao segundo gol, novamente, com Léo Passos. No entanto, já no final da partida, quando o time alviverde encaminhava-se para a vitória, o Real Madrid cresceu e chegou ao empate com Diego, que marcou um bonito gol de voleio.

Na disputa dos pênaltis, o goleiro alviverde, Matheus Henrique, que foi um dos melhores em campo, deu esperanças ao defender a primeira cobrança do Real. Mas, depois, o time espanhol não desperdiçou mais e levou o título, após o erro de Airton.

Com o resultado, o Real assegurou seu terceiro título do Mundial de Clubes. A esquipe espanhola já tinha vencido nos anos de 2009 e 2014. Apesar da derrota, Matheus Barbosa, atacante do Palmeiras, foi premiado como o artilheiro da competição, com quatro gols marcados.

fonte: Terra Esportes

 

compartilhe agora